ESCUTE A BÍBLIA ENQUANTO ESTIVER OLINE

PARE,ESPERE CARREGAR E LEIA ESTE FOLHETO E PENSE

quinta-feira, 1 de março de 2012

OS DOIS CAMINHOS O LARGO E O ESTREITO QUAL E O SEU


Os dois caminhos, este poster deveria ser pintado no fundo dos altares das igrejas para trazer a memoria dos cristaos modernos do pensamento positivo que o inferno e mais facil de ganhar do que o ceu.



CNBB afirma que transmissão de reality shows na TV é um atentado à dignidade humana

SÃO PAULO - A Conferência Nacional dos Bispos (CNBB) divulgou ontem uma nota com críticas aos reality shows transmitidos pela TV brasileira. Após afirmar que esses programas "atentam contra a dignidade da pessoa humana" e constituem uma "agressão impune aos valores morais que sustentam a sociedade", o texto pede maior rigor do Ministério Público no acompanhamento da programação.
O reality show de maior audiência entre as emissoras brasileiras é o Big Brother Brasil, da TV Globo, que está no ar, em sua 11.ª edição. Na Record, o campeão é A Fazenda.
Os bispos sugerem às emissoras que reflitam sobre "seu papel e seus limites na vida social", considerando que funcionam como concessão do Estado brasileiro. Também se dirigem às empresas que veiculam anúncios nos intervalos comerciais dos reality shows, "alertando-os sobre o significado da associação de suas marcas a esse processo de degradação dos valo res da sociedade".
Em relação aos pais e educadores, recomendam que procurem, por meio do diálogo, "formar neles o senso crítico indispensável e capaz de protegê-los contra essa exploração abusiva e imoral".
Para os bispos, representados pelo Conselho Episcopal Pastoral, reunido hoje em Brasília, o esforço para a superação "desse mal na sociedade", pode ser feito com respeito à "legítima liberdade de expressão, que não assegura a ninguém o direito de agressão impune aos valores morais que sustentam a sociedade".
O outro lado
Em resposta à declaração da CNBB, a TV Globo, que exibe, além de Big Brother Brasil, o reality Hipertensão, também divulgou nota, na qual afirma que " é uma emissora laica, com uma visão de cultura e mesmo de comportamento social e moral que não segue preceitos religiosos"
A nota, assinada pela Central Globo de Comunicação, observa que a emissora tem "tradição de estar, no campo institucional, ao lado da maioria das causas da CNBB" e concorda com os bispos a respeito do papel dos pais: "Cabe aos pais selecionar o que seus filhos devem assistir - como tudo que pode influenciar na formação dos jovens".
O texto da Globo também destaca a liberdade de escolha do telespectador: "É o mesmo cidadão-eleitor que, a cada momento, tem plena liberdade de decidir o que é melhor para si e sua família."
A Record também se manifestou por meio de nota, assinada pela Rede Record de Comunicação. Segundo o texto, a declaração dos bispos não faz referência a nenhum dos cinco programas na linha reality transmitidos pela emissora: "A Fazenda convida os participantes a atividades relacionadas ao campo e à natureza, promove a vida no campo, Ídolos procura novos intérpretes, Aprendiz oferece oportunidades de trabalho, Troca de Família relata experiências de convivência de estilos de vida diferentes e Extreme Make Over Social acompanha a construção de creches."
Segundo a Record, "todos são programas que respeitam os participantes e os telespectadores."
Leia a íntegra da nota da CNBB:
Têm chegado à CNBB diversos pedidos de uma manifestação a respeito do baixo nível moral que se verifica em alguns programas das emissoras de televisão, particularmente naqueles denominados Reality Shows, que têm o lucro como seu principal objetivo.
Nós, bispos do Conselho Episcopal Pastoral (CONSEP), reunidos em Brasília, de 15 a 17 de fevereiro de 2011, compreendendo a gravidade do problema e em atenção a esses pedidos, acolhendo o clamor de pessoas, famílias e organizações, vimos nos manifestar a respeito.
Destacamos primeiramente o papel desempenhado pela TV em nosso País e os importantes serviços por ela prestados à Sociedade. Nesse sentido, muitos programas têm sido objeto de reconhecimento explícito por parte da Igreja com a concessão do Prêmio Clara de Assis para a Televisão, atribuído anualmente.
Lamentamos, entretanto, que esses serviços, prestados com apurada qualidade técnica e inegável valor cultural e moral, sejam ofuscados por alguns programas, entre os quais os chamados reality shows, que atentam contra a dignidade de pessoa humana, tanto de seus participantes, fascinados por um prêmio em dinheiro ou por fugaz celebridade, quanto do público receptor que é a família brasileira.
Cônscios de nossa missão e responsabilidade evangelizadoras, exortamos a todos no sentido de se buscar um esforço comum pela superação desse mal na sociedade, sempre no respeito à legítima liberdade de expressão, que não assegura a ninguém o direito de agressão impune aos valores morais que sustentam a Sociedade.
Dirigimo-nos, antes de tudo, às emissoras de televisão, sugerindo-lhes uma reflexão mais profunda sobre seu papel e seus limites, na vida social, tendo por parâmetro o sentido da concessão que lhes é dada pelo Estado.
Ao Ministério Público pedimos uma atenção mais acurada no acompanhamento e adequadas providências em relação à programação televisiva, identificando os evidentes malefícios que ela traz em desrespeito aos princípios basilares da Constituição Federal (Art. 1º, II e III).
Aos pais, mães e educadores, atentos a sua responsabilidade na formação moral dos filhos e alunos, sugerimos que busquem através do diálogo formar neles o senso crítico indispensável e capaz de protegê-los contra essa exploração abusiva e imoral.
Por fim, dirigimo-nos também aos anunciantes e agentes publicitários, alertando-os sobre o significado da associação de suas marcas a esse processo de degradação dos valores da sociedade.
Rogamos a Deus, pela intercessão de Nossa Senhora Aparecida, luz e proteção a todos os profissionais e empresários da comunicação, para que, usando esses maravilhosos meios, possamos juntos construir uma sociedade mais justa e humana.
Brasília, 17 de fevereiro de 2011
Leia nota da Rede Globo:
A Rede Globo é uma emissora laica, com uma visão de cultura e mesmo de comportamento social e moral que não segue preceitos religiosos. Temos tradição de estar, no campo institucional, ao lado da maioria das causas da CNBB. No que nos refere, somos gratos pelo reconhecimento do papel positivo que a televisão aberta e privada desempenha no Brasil e concordamos que cabe aos pais selecionar o que seus filhos devem assistir - como tudo que pode influenciar na formação dos jovens.
O telespectador é o mesmo cidadão-eleitor que, a cada momento, tem plena liberdade de decidir o que é melhor para si e sua família.
Leia nota da Rede Record:
A Rede Record considera que a nota da CNBB não faz referência a nenhum dos programas do tipo reality shows produzidos em nossa emissora.
O programa A Fazenda convida os participantes a atividades relacionadas ao Campo e à natureza, promove a vida no Campo, Ídolos procura novos intérpretes, Aprendiz oferece oportunidades de trabalho, Troca de Família relata experiências de convivência de estilos de vida diferentes e Extreme Make Over Social acompanha a construção de creches. Todos são programas que respeitam os participantes e os telespectadores, inclusive, alguns deles, tem
classificação indicativa que permite a exibição em qualquer horário do dia.
Veja mais:
A verdade bem dita..... Da net
Para os telespectadores amantes do....Big Brother Brasil (...e os esclarecidos tambem):

29 milhões de ligações do povo brasileiro votando em algum candidato para ser eliminado do Big Brother.
Vamos colocar o preço da ligação do 0300 a R$ 0,30. Então, teremos... R$ 8.700.000,00. Isso mesmo!

Oito milhões e setecentos mil reais, que o povo brasileiro gastou (e gasta) em cada paredão!

Suponhamos que a Rede Globo tenha feito um contrato "fifty to fifty" com a operadora do 0300, ou seja, ela embolsou
R$ 4.350.000,00. Repito: somente em um único paredão!

Alguém poderia ficar indignado com a Rede Globo e a operadora de telefonia ao saber que as classes menos letradas e abastadas
da sociedade, que ganham mal e trabalham o ano inteiro, ajudam a pagar o prêmio do vencedor e, claro, as contas dessas empresas.

Mas o "x" da questão, caro(a) leitor(a), não é esse. É saber que paga-se para obter um entretenimento vazio, que em nada
colabora para a formação e o conhecimento de quem dela desfruta; mostra só a ignorância da população, além da falta de cultura e até vocabulário básico dos participantes e, consequentemente, daqueles que só bebem nessa fonte.

Certa está a Rede Globo. O programa BBB dura cerca de três meses. Ou seja, "o sábio público" tem ainda várias chances de gastar
quanto dinheiro quiser com as votações.

Aliás, algo muito natural para quem gasta mais de oito milhões numa só noite! Coisa de país rico como o nosso, claro!?!?
Nem a Unicef, quando faz o programa Criança Esperança, com um forte cunho social, arrecada tanto dinheiro.

Vai ver, deveriam bolar um "BBB Unicef". Mas, tenho dúvidas se daria audiência. Prova disso, é que na Inglaterra, pensou-se
em fazer um Big Brother só com gente inteligente. O projeto morreu na fase inicial, de testes de audiência.

A razão? O nível das conversas diárias foi considerado muito alto, ou seja, o público não se interessaria.
Programas como BBB existem no mundo inteiro, mas explodiram em terras tupiniquins. Um país onde o cidadão vota para eliminar um imbecil bobão (ou uma bobona) qualquer, mas não lembra em quem votou na última eleição.

Que vota numa legenda política
sem jamais ter lido o programa do partido, mas que gasta seu escasso salário num programa que acredita de extrema utilidade
para o seu desenvolvimento pessoal e, que não perde um capítulo sequer do BBB para estar bem informado na hora de PAGAR pelo seu voto.

Que eleitor é esse? Depois, não adianta dizer que político é ladrão, corrupto, safado, etc. Quem os colocou lá?
Claro, o mesmo eleitor do BBB!

Aí, agüente a vitória de um Severino não-sei-das-quantas para Presidente da Câmara dos Deputados e a cara de pau, digo, a
grande idéia dele, de colocar em votação um aumento salarial absurdo a ser pago pelo contribuinte.

Mas o contribuinte não deve ligar mesmo, ele tem condições financeiras de juntar R$ 8 milhões em uma única noite para se
divertir (?!?!), ao invés de comprar um livro de literatura, filosofia ou de qualquer assunto relevante para melhorar a articulação e a autocrítica...

Chega de buscar explicações sociais, coloniais, educacionais. Chega de culpar a elite, os políticos, o Congresso.
Olhemos para o nosso próprio umbigo, ou o do Brasil. Chega de procurar desculpas, quando a resposta está em nós mesmos.

A Rede Globo sabe muito bem disso, os autores das músicas "Egüinha Pocotó", "O Bonde do Tigrão" e assemelhadas, sabem muito bem
disso; o Gugu e o Faustão também; os gurus e xamãs da auto-ajuda idem...
Não é maldade nem desabafo. É constatação !
BBB !!! Bendito Bolso Brasileiro !!!

Vamos repassar essa novamente, não pode passar batido!
Isto vale tambem para quem perde seus tempos apenas assistindo, pois assim contribui-se para a propagação e proliferação da burrice e do conformismo de um país que vive de modismos, alienações e oportunismos.

obs: repasse se concordas

Embora eu não seja católico e veja muitas deficiências na igreja, tanto de ordem administrativa como teológicamente, concordo plenamente com a CNBB.

Tenho que , a bem da verdade dizer
aqui, que nos tempos da ditadura militar , a igreja católica foi a unica instituição a criticar e protestar contra a tortura e descalábrios cometidos pelos militares.

Enquanto isso, todas outras instituições religiosas , incluindo as evangélicas, se calaram nos vinte anos de chumbo.

É preciso mesmo que uma voz se levante em protesto contra essa pouca vergonha que se exibe na TV.Neste capitalismo selvagem, a unica meta é o dinheiro, nem que por isso deixe-se a moralidade e os bons costumes de lado.

O povo ignorante teria que ser acessorado pelo governo e essas emissoras que só transmitem lixo, teriam que ter um controle mais rigoroso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
"Todo aquele que ler estas postagens, se tiver certeza do que afirmo, caminhe lado a lado comigo; quando duvidar, investigue comigo; quando reconhecer que foi seu o erro, venha ter comigo; se o erro for meu, chame minha atenção. Assim haveremos de palmilhar juntos o caminho do conhecimento e da caridade em direção àquele de quem está dito:Eu sou o Alfa e o Ômega."

POSTAGENS MAIS VISITADAS

INVISTA MAIS NA SUA SALVAÇÃO

INVISTA MAIS NA SUA SALVAÇÃO

ULTIMA ORDEM DE JESUS IDE I FAZEI DISCÍPULOS

ULTIMA ORDEM DE JESUS IDE I FAZEI DISCÍPULOS
OU VOCE É SÓ UM FREQUENTADOR DE IGREJA?

OS BRASILEIROS NÃO APRENDEM

OS BRASILEIROS NÃO APRENDEM

DURMA NO MÍNIMO 8 HORAS POR NOITE

DURMA NO MÍNIMO 8 HORAS POR NOITE

FRUTA NÃO É CARO, CARO É REMÉDIO!

FRUTA NÃO É CARO, CARO É REMÉDIO!

EVITE VÁRIAS DOENÇAS BEBA 8 GARRAFINHAS DE 250ML POR DIA

EVITE VÁRIAS DOENÇAS BEBA 8 GARRAFINHAS DE 250ML POR DIA

SEJA UM DOADOR DE VIDA

SEJA UM DOADOR DE VIDA

NÃO PEQUES MAIS!

NÃO PEQUES MAIS!

VISTA AO NÚ

VISTA AO NÚ

VENDE TUDO E ME SEGUE...

VENDE TUDO E ME SEGUE...

A VEJA É MANIPULADA

A VEJA É MANIPULADA

O SÁBIO PENSA NO DIA DA MORTE ECLESIASTES 7:4

O SÁBIO PENSA NO DIA DA MORTE ECLESIASTES 7:4