ESCUTE A BÍBLIA ENQUANTO ESTIVER OLINE

PARE,ESPERE CARREGAR E LEIA ESTE FOLHETO E PENSE

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

DEZ COISAS QUE ODEIO EM VOCE, IGREJA


Manoel Silva Filho

Li essa semana uma slogan bastante interessante que revela o quanto a igreja esta em baixa nos últimos tempos: ODEIO A IGREJA, NÃO JESUS!

A lista abaixo relacionada é direcionada à igreja institucional, à igreja-empresarial, ao clube de entretenimento, assim falsificada e vendida ao poder temporal. Não me refiro absolutamente à igreja verdadeira, ao remanescente fiel que muitas vezes está contido nessa igreja caricata dos nossos dias.
Compartilho aqui o sentimento de inconformação de Davi quando disse a Deus: Não aborreço eu, Senhor, os que te aborrecem? E não abomino os que se levantam contra Ti? Aborreço-os com ódio consumado, para mim são inimigos de fato.

O que eu odeio em ti, igreja dos nossos tempos?


1. A TUA PRETENSÃO OSTENSIVA de tu te veres superior a tudo e a todos, e com esse orgulho besta, deixas de ser reconhecida como voz de Deus e agência do Reino no mundo. Ao contrário, deverias te afastar pra bem longe dessa vaidade luciferiana e cair em si, voltando a servir humildemente ao mundo ao qual foste enviada.

2. QUANDO INFLEXÍVEL, IMPÕES O DETESTÁVEL LEGALISMO COMO FORMA DE CAMINHADA CRISTÃ com regras insuportáveis que mantém teus membros eternamente cativos a infantilidade na fé, ao invés de conduzi-los à maturidade cristã que alcança a essencial liberdade consciente e anda maduramente nas pegadas de Jesus de Nazaré.

3. A TUA CEGUEIRA REDUCIONISTA que não discerne claramente o Reino além de tuas limitadas fronteiras, expandindo a visão para ver e aceitar outras formas de expressão, de serviço cristão, de culto e de obras que também glorificam a Deus e contribuem para a expansão do Reino na terra.


4. A TUA FORMA DE JULGAR SUMARIAMENTE as pessoas, se são merecedoras do céu ou do inferno, como se coubesse a ti essa prerrogativa divina de seleção. Deveria tu saber que essa é uma ação exclusiva de Deus.

5. A TUA DISCIPLINA CORRETIVA que sempre exclui e joga fora todo aquele que desgraçadamente tropeça por algum motivo, levando invariavelmente o “disciplinado” ao abandono, e ferido, a morrer a míngua.

6. A TUA FORMA ANTIBÍBLICA DE EVANGELIZAR, definindo prazo de mudança para as pessoas ”aceitarem Jesus”, exigindo uma conversão urgente e superficial baseada na adequação compulsória às regras de teus usos e costumes, e não na radical soberana transformação do Espírito Santo, de dentro para fora, e no livre tempo de Deus.

7. A TUA VISÃO MISSIONÁRIA/ EVANGELÍSTICA DISTORCIDA que em nome do “ide” retira as pessoas de suas áreas de convivência na sociedade onde exerciam posições estratégicas para alcançar seus semelhantes, para mantê-los circunscritos à área do templo, transformando-os em pessoas inativas ou em obreiros alienados que desconhecem o que se passa no mundo que os rodeiam.

8. O TEU ABUSO DE PODER arrastando milhares de PESSOAS SINCERAS, frágeis, crédulas, simplórias, despreparadas e desavisadas à exaustão, ao esgotamento, ao sofrimento, à decepção, e a se sentirem absolutamente usurpadas física, emocional, material e espiritualmente. Essas pobres vítimas do teu poder abusivo se tornam amargas e refratárias para o Evangelho para sempre, fechadas para qualquer possibilidade de pensarem em Deus ou em coisas relacionadas a ti.

9. A FORMA IMORAL COM QUE TEUS LÍDERES LIDAM COM AS FINANÇAS, manipulando o dinheiro que entra em teus cofres de forma irresponsável, desonesta, revelando que são subjugados pelo deus Mamon. Reproduzes pastores que amam posição, poder, e o dinheiro, tornando-os cheios de avareza e de ganância. ISSO TEM CAUSADO GRANDES ESCÂNDALOS E DANOS IRREVERSÍVEIS PARA O EVANGELHO, E TU ÉS DIRETAMENTE RESPONSÁVEL POR ISSO!

10. E por último, odeio quando MENTES, ASSEVARANDO QUE FORA DE TI, AS PESSOAS NÃO PODEM SOBREVIVER. Saiba que existem milhões de pessoas que nunca adentraram em teus átrios e mesmo assim oram, têm temor, discernimento, maturidade, ética, moral e dignidade, muitas vezes, mais apurados que teus pobres membros pretensiosos.

Sobretudo, há uma forma difícil, dolorida, mas possível, que pode mudar radicalmente esse quadro sombrio: TENS QUE PASSAR PELO PORTAL DO ARREPENDIMENTO. Como diria Jesus, Lembra-te de onde caíste e arrepende-te...

DEZ COISAS QUE AMO EM VOCE, IGREJA


Manoel silva

NOTA: Quando me refiro à igreja na lista abaixo, estou pensando na igreja orgânica, invisível aos olhos humanos, aquela que só Deus conhece como Seu único e exclusivo remanescente fiel, a noiva de Cristo, composta dos filhos e súditos do Reino. É essa igreja que amo e sou membro.

Que mais amo em ti?

1. AMO TUA VOCAÇÃO PROFÉTICA. Quando exerces teu papel profético de denunciar o mal e delatar a injustiça e quando desmascaras corajosamente o rosto imundo da corrupção e serves tu mesma de espelho, para o mundo ver Jesus refletido em teu semblante.

2. AMO TUA CORAGEM DESTEMIDA. Quando desfazes os altares da vaidade, desbancas os postes ídolos do abuso de poder, detonas os totens dos falsos profetas e pastores fingidos, esses que amam a popularidade, a fama e o dinheiro e arrastam milhares de incautos à decepção e à tristeza irreversíveis, até que tu venhas e a ser alento e ponto de apoio para voltarem a caminhar, Para depois correrem livres e voarem em direção a uma vida pujante de alegria e liberdade em Cristo, nunca dantes experimentada.

3. AMO TEU AMOR DESMEDIDO. Quando te identificas com as pessoas às quais tu proclamas a verdade do Evangelho, amando-as incondicionalmente, vendo sempre o bem no outro, e incluindo-o como teu semelhante e irmão de caminhada. Se acontecer algum processo de seleção no final, cabe a Deus fazê-lo, como prerrogativa exclusiva Dele.

4. AMO TEU TESTEMUNHO IMPOLUTO. Quando, em alguns pontos luminosos de tua história, e ainda hoje se vê rasgos nítidos de tua original missão de servir de ponte de retorno entre o mundo perdido e o seio do Pai, de ser farol de referência, lucidez e honradez aos que estão à deriva na correnteza do mar da corrupção, e ser rocha firme aos que afundam na areia movediça das certezas relativizadas.

5. AMO TUA HUMILDADE, À SEMELHANÇA DE TEU MESTRE. quando te conscientizas que teu lugar é servir no vale escuro da dor e da rejeição e não no topo do mundo, debaixo dos holofotes e flashes da fácil aceitação.

6. AMO QUANDO TE MOSTRAS MADURA EM TUA PROPOSTA DE SANTIDADE. Quando descobres que o caminho da maturidade rumo à santidade é o da experiência do andar vivencial com Jesus, e não a freqüência compulsória a um culto, e a liberdade consciente como a melhor forma de amadurecimento em direção ao céu.

7. AMO TUA ESTRATÉGIA INTELIGENTE DE CONQUISTAR O MUNDO. Quando adotas a teologia encarnacional da identificação participativa e te imiscuis no meio do mundo de forma sutil, subversiva, sem alarde e autopromoção, e através de recursos didáticos criativos se utilizando da cultura e das artes, consegues mudar os rumos da história.

8. AMO TUA OBJETIVIDADE FULMINANTE. Quando não fazes “cavalo de batalha” com coisas inúteis e irrelevantes para a vida como defender doutrinas humanas, dogmas e tradições de usos e costumes, e por outro lado, enfatizas o que é essencial para a vida aqui e o porvir, como incorporar o Evangelho Simples, amar a Jesus, vivenciar o amor entre os irmãos, reunir com os amigos para conversar, assistir o necessitado, abrigar o sem casa, dar alimento ao faminto e prover uma base sólida de educação aos que não teria nenhum futuro consistente e a chance de poder sobreviver nessa sociedade de lobos vorazes que dilaceram o ânimo dos fracos e despedaçam a esperança dos pequeninos. Mas aguarde com paciência o terrível julgamento que recaíra sobre toda a alcatéia desses predadores insaciávais, por tocarem nesses amados pequeninos do Senhor...

9. AMO TEU SENSO AGUÇADO DE JUSTIÇA E MISERICÓRIDIA. Quando usas sabiamente a disciplina bíblica como elemento de cura e inclusão dos que entre ti fraquejam e tropeçam, levando-os invariavelmente ao retorno feliz, e curados, se levantam para ser referencial de vida a tantos outros que caem e tropeçam na caminhada.

10. AMO TUA MISSÃO BASEADA NA COMUNHÃO VIVENCIAL COM O MUNDO. Quando compreendes claramente que o “ide” não é um imperativo, mas “indo”, um gerúndio de convivência relacional no dia-a-dia, dando idéia de “enquanto vão, preguem”. Isso envolve a necessidade da saída do reduto quentinho e confortável do templo para a convivência despretensiosa lá fora, e sem segundas intenções, encontrar as pessoas em seus habitats, áreas de convivência, trabalho e lazer, e se tornando uma delas, fazer o Evangelho conhecido pelo servir sem nenhuma pretenção, a não ser aquela de gerar grandes amizades com os que compartilham conosco a mesma jornada de vida. Tal qual Jesus faria...

QUANDO AGES ASSIM, VIVES O QUE É SER IGREJA NO MUNDO E ENTENDES QUE SER IGREJA É MUITO MAIS DO QUE VEMOS POR AÍ... APESAR DE SER IMPRESSIONANTE O NÚMERO DOS QUE SE JACTAM PERTENCEREM AS TUAS FILEIRAS

VOCE QUER CRISTO OU INTRETENIMENTO?

Cristianismo de Entretenimento! - John MacArhtur

A igreja pode enfrentar a apatia e o materialismo satisfazendo o apetite das pessoas por entretenimento? Evidentemente, muitas pessoas das igrejas pensam assim, enquanto uma igreja após outra salta para o vagão dos cultos de entretenimento.

Uma tendência inquietante está levando muitas igrejas ortodoxas a se afastarem das prioridades bíblicas.

O que eles querem

Os templos das igrejas estão sendo construídos no estilo de teatros. Ao invés de no púlpito, a ênfase se concentra no palco. Alguns templos possuem grandes plataformas, que giram ou sobem e descem, com luzes coloridas e poderosas mesas de som.

Os pastores espirituais estão dando lugar aos especialistas em comunicação, aos consultores de programação, aos diretores de palco, aos peritos em efeitos especiais e aos coreógrafos.



O objetivo é dar ao auditório aquilo que eles desejam. Moldar o culto da igreja aos desejos dos freqüentadores atrai muitas pessoas.

Como resultado disso, os pastores se tornam mais parecidos com políticos do que com verdadeiros pastores, mais preocupados em atrair as pessoas do que em guiar e edificar o rebanho que Deus lhes confiou.

A congregação recebe um entretenimento profissional, em que a dramatização, os ritmos populares e, talvez, um sermão de sugestões sutis e de aceitação imediata constituem o culto de adoração. Mas a ênfase concentra-se no entretenimento e não na adoração.

A idéia fundamental

O que fundamenta esta tendência é a idéia de que a igreja tem de “vender” o evangelho aos incrédulos — a igreja compete por consumidores, no mesmo nível dos grandes produtos.

Mais e mais igrejas estão dependendo de técnicas de vendas para se oferecerem ao mundo.

Essa filosofia resulta de péssima teologia. Presume que, se você colocar o evangelho na embalagem correta, as pessoas serão salvas. Essa maneira de lidar com o evangelho se fundamenta na teologia arminiana. Vê a conversão como nada mais do que um ato da vontade humana. Seu objetivo é uma decisão instantânea, ao invés de uma mudança radical do coração.
Além disso, toda esta corrupção do evangelho, nos moldes da Avenida Madison, presume que os cultos da igreja têm o objetivo primário de recrutar os incrédulos. Algumas igrejas abandonaram a adoração no sentido bíblico.

Outras relegaram a pregação convencional aos cultos de grupos pequenos em uma noite da semana. Mas isso se afasta do principal ensino de Hebreus 10.24-25: “E consideremo-nos uns aos outros, para nos estimularmos ao amor e ás boas obras,

Não deixando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais, quanto vedes que se vai aproximando aquele dia” (Hb 10.24-25)ACF

O verdadeiro padrão

Atos 2.42 nos mostra o padrão que a igreja primitiva seguia, quando os crentes se reuniam: “E perseveravam na doutrina dos apóstolos e na comunhão, no partir do pão e nas orações”.

Devemos observar que as prioridades da igreja eram adorar a Deus e edificar os irmãos. A igreja se reunia para adoração e edificação — e se espalhava para evangelizar o mundo. Nosso Senhor comissionou seus discípulos a evangelizar, utilizando as seguintes palavras: “Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações” (Mateus 28.19). Ele deixou claro que sua igreja não tem de ficar esperando (ou convidando) o mundo para vir às suas reuniões, e sim que ela tem de ir ao mundo.

Essa é uma responsabilidade de todo crente. Receio que uma abordagem cuja ênfase se concentra em uma apresentação agradável do evangelho, no templo da igreja, absolve muitos crentes de sua obrigação pessoal de ser luz no mundo (Mateus 5.16).

Estilo de vida

A sociedade está repleta de pessoas que querem o que querem quando o querem. Elas vivem em seu próprio estilo de vida, recreação e entretenimento. Quando as igrejas apelam a esses desejos egoístas, elas simplesmente põem lenha nesse fogo e ocultam a verdadeira piedade.

Algumas dessas igrejas estão crescendo em expoentes elevados, enquanto outras que não utilizam o entretenimento estão lutando. Muitos líderes de igrejas desejam crescimento numérico em suas igrejas, por isso, estão abraçando a filosofia de “entretenimento em primeiro lugar”.

Considere o que esta filosofia causa à própria mensagem do evangelho. Alguns afirmam que, se os princípios bíblicos são apresentados, não devemos nos preocupar com os meios pelos quais eles são apresentados. Isto é ilógico.

Por que não realizarmos um verdadeiro show de entretenimento? Um atirador de facas tatuado fazendo malabarismo com serras de aço se apresentaria, enquanto alguém gritaria versículos bíblicos. Isso atrairia uma multidão, você não acha?

É um cenário bizarro, mas é um cenário que ilustra como os meios podem baratear e corromper a mensagem.

Tornando vulgar

Infelizmente, este cenário não é muito diferente do que algumas igrejas estão fazendo. Roqueiros punk, ventríloquos, palhaços e artistas famosos têm ocupado o lugar do pregador — e estão degradando o evangelho. Creio que podemos ser inovadores e criativos na maneira como apresentamos o evangelho, mas temos de ser cuidadosos em harmonizar nossos métodos com a profunda verdade espiritual que procuramos transmitir. É muito fácil vulgarizarmos a mensagem sagrada.

Não se apresse em abraçar as tendências das super-igrejas de alta tecnologia. E não zombe da adoração e da pregação convencionais. Não precisamos de abordagens astuciosas para que tenhamos pessoas salvas (1 Coríntios 1.21).

Precisamos tão-somente retornar à pregação da verdade e plantar a semente. Se formos fiéis nisso, o solo que Deus preparou frutificará.

Por John MacArhtur 

A IGREJA EVANGÉLICA ESTA COM FEBRE


Muitas pessoas buscam saciar sua fome espiritual na igreja, mas não encontram nela o Pão da Vida. Encontram muito do homem, pouco de Deus. Muito ritual, pouco pão espiritual. Muito da terra, pouco do céu. Estamos substituindo o Pão do céu por outro alimento. Os pregadores pregam para agradar, e não para desafiar. Dão palha em vez de trigo ao povo – Jr 23.28. Estão pregando saúde e prosperidade, e não sobre a cruz de Cristo. Pregam-se os direitos dos homens, não a soberania de Deus. Prega-se sobre libertação e não sobre arrependimento e conversão. Prega-se um outro evangelho e não o evangelho da graça.
Neste sentido o que vemos hoje é uma Igreja Católica querendo ser evangélica. Uma igreja protestante sem protestos. Uma igreja que se diz reformada, carente de uma urgente reforma. Umas igrejas evangélicas, distanciadas do verdadeiro Evangelho. Uma igreja carismática, com muito carisma e pouco caráter.
A igreja gloriosa precisa de santos nos púlpitos e nos bancos. Não de santos beatificados e canonizados depois de mortos, mas de santos vivos, audíveis, visíveis, palpáveis, nos seminários, nas ruas, nas faculdades, no trabalho, na família – exalando o aroma de Cristo! Aleluia!
Afinal, você deve estar se perguntado: “O que está acontecendo com esta igreja gloriosa que Paulo falou em Efésios 5.27?”
A graça transformada em libertinagem. É Judas, servo de Jesus Cristo e irmão de Tiago, põe a boca no trombone. Leia o versículo 4.
Estão torcendo a mensagem da graça de Deus a fim de arranjarem uma desculpa para sua vida imoral. E o pior disso é que isto está acontecendo dentro de muitas igrejas! Leia o versículo 12. Estes intrusos são prostituídores da graça de Deus! Há uma distância enorme entre a graça de Deus e a libertinagem! Graça é a manifestação maior da misericórdia, da compaixão da paciência de Deus. Graça é o próprio Deus agindo graciosamente para conosco. Enquanto a libertinagem é totalmente oposta a isso!
O culto transformado em show.
Não é apenas a mídia que está usando a palavra show para se referir a alguns cultos. Nós mesmos usamos esse termo em nosso meio. Ora, as palavras show e culto não combinam. O dicionário Aurélio define show como espetáculo de teatro, rádio, TV, com grande montagem – que se destina a diversão – atuação de vários artistas de larga popularidade. Culto: adoração/ homenagem à divindade em qualquer forma (religião). A igreja existe não para oferecer entretenimento, melhora de auto-estima, mas sim para adorar a Deus! Se falharmos nisso, a igreja fracassa!
Perceba o paradoxo: Convide os jovens de nossas igrejas a um show de música gospel e depois os convide a um congresso de Missões. Veja a diferença de pessoas em cada um! O tempo destinado à exposição da Palavra em nossas igrejas, está cada vez menor. Há uma cantoria tremenda! Assim como há pão light, geléia light, comidas light, temos hoje também os cultos lights: leve, ligeiro, alegre e jocoso!
Dízimos transformados em dividendos.
A idéia que o dízimo/oferta abrem as comportas do céu, e deixam derramar tanta prosperidade que você não terá onde guardar está tão generalizada que parece não haver saída para este câncer que se instalou na mente dos evangélicos. Há pessoas que dão tudo o que tem na esperança de melhorarem sua vida, de serem bem-sucedidos em seus negócios. Foi, é esta malfadada teologia da prosperidade que criou esta mentalidade mercantilista do dízimo! Escutem amados: Precisamos mais da prosperidade da Teologia, do que a teologia da prosperidade! Dão não como a viúva que ofertou 2 leptos, pequenas moedas de cobre quase sem valor – uma oferta altruísta, sacrificial. Mas dão para escaparem da falência, de uma doença terminal, de uma separação conjugal.
Esta capacidade maligna de transformar a arte de dar em receber está profanando e tornando antipática a palavra dízimo, de origem santa. Isto é totalmente contra o princípio de Jesus ensinou conforme em Atos 20.35.
O dízimo transformado em dividendos (parte dos lucros líquidos que cabe ao acionista de uma empresa mercantil) inverte os papéis e supervaloriza a obra, em detrimento da graça. Desse modo, Deus assume o papel de devedor e o homem assume o de credor.
Milagres transformados em marketing.
Não há quem precise e não busque a face de Deus para obter livramento frente as difíceis situações da vida: enfermidades, desemprego, morte etc. Devemos buscar a Deus nesses momentos, isso é correto. Agora o que acontece: nós tentamos enquadrar nossas necessidades na lei do mercado. Se há procura, deve haver oferta. Se há problemas difíceis demais, triste demais, complexo demais, então, devem-se ter milagres também. Então, monta-se uma banca, ou um estande de milagres.
O nome de Deus é usado inescrupulosamente. Os milagres não são feitos ao pé do ouvido (como Jesus) sem alarde, sem tocar trombeta: mas de forma sensacional; quanto mais público for, melhor será. Se a igreja não fazia milagres, agora ela tem que fazer, pois caso o contrário perderá seus fiéis e pára de crescer, como a outra está crescendo. Novamente a uma inversão de valores aqui: quando Jesus, o Messias curava, sempre procurava esconder das multidões os prodígios que ele operava. Ele dizia: não conte a ninguém. Então há aqui, uma inversão bíblica, pois enquanto Jesus disse: “Estes sinais acompanharão os que crêem”. Hoje estamos dizendo: os que crêem seguiram estes sinais.
A força moral transformada em força numérica.
A famosa declaração de Jesus em Mt 5.13 de que somos o “sal da terra” mostra o valor da força moral, e não o da força numérica.
Por causa da ênfase demasiada nos números, transformamos a conversão em adesão, que são acontecimentos totalmente diferentes, quando se trata da salvação e da vida eterna. Jesus, o Pão da Vida, nunca se empolgou com as multidões que o seguiam! Na verdade ele discernia os corações, e sabia que muitos estavam ali, não por seu ensino e doutrina, mas sim pelos milagres que ele realizava. Você nunca verá um pregador em uma tribuna dizer: Amados, preguei num Congresso que tinha 20 pessoas. Não! Nunca! Como se Deus estivesse apenas nos grandes ajuntamentos! Quando as multidões quiseram fazer dele um rei, ele se afastou e foi para o monte orar! Que contraste de nossos pregadores! Que amam mais a glória dos homens do que a glória de Deus!

INTRETENIMENTO É UMA BENÇÃO OU MALDIÇÃO PARA A IGREJA?


Estamos vivendo a época do entretenimento. A igreja cada vez mais assimila esta mentalidade juntamente com o gerenciamento empresarial de grandes "redes" denominacionais. Igrejas / empresas vendem produtos e transformam seus seguidores em consumidores de um "case" de serviços personalizados e identificados naquela denominação. Vivemos o perigo de conformar a igreja com o mundo, isto é, influenciando a igreja com as técnicas inadequadas usadas pelo mundo. Devemos refletir se nada há no mundo digno de ser copiado, e porque faríamos uso destas coisas para tornar a igreja mais atraente?

voce queria que sua igreja fosse como sua sala de vídeo ou ela ja é?

Um estudo mostrou que os norte-americanos passam cerca de 9 horas em frente a algum tipo de tela (TV, Celular, GPS, Computador) tal 'dieta' não deve ser nada saudável, mas posso dizer que os brasileiros (ao menos eu) estão caminhando para algo parecido. O Wired resolveu formular uma pirâmide para balancear esse consumo de mídia de forma eficiente.

Mesmo 9 horas sendo bem exagerado para mim, a ideia de organização de horário em frente às telas é muito boa, podemos até criar nossa própria 'dieta' de consumo balanceado da mídia.

Clique em continuar lendo ou na imagem acima para ver a pirâmide.


Entretenimento (3.5 horas):
  • Assistir a TV e DVD's - 1.5 horas
  • Ver e baixar Podcasts - 1 hora
  • Vídeos Online (YouTube) - 1 hora
Notícias (2.5 horas):
  • Lendo mídia tradicional
  • Lendo blogs e agregadores de feed
Microblogging (.75 hora):
  • Twitter, etc.
Redes sociais (1.25 horas):
  • Orkut, Facebook, MySpace.
Videogame (1 hora)

IGREJA NÃO É LUGAR DE INTRETENIMENTO

No tempo que jesus viveu aqui ia ao templo todos os dias ensinar então e as pessoas iam ouvir a leitura das escrituras.

Tem cuidado de ti mesmo e da doutrina. Persevera nestas coisas; porque, fazendo isto, te salvarás, tanto a ti mesmo como aos que te ouvem. (1 Timóteo 4:16)
Por PCamaral

"O diabo raramente criou algo mais perspicaz do que sugerir à igreja que sua missão consiste em prover entretenimento para as pessoas, tendo em vista ganhá-las para Cristo" C. H. Spurgeon

Como esta frase tem martelado minha mente e como tenho pensado, e até, em alguns momentos, me desesperado com a possibilidade, real, disto estar acontecendo neste momento com a minha igreja.

Homens despreparados espiritualmente, confiantes em suas técnicas de oratória e de influenciar grandes massas de pessoas. Homens com seus olhos voltados para a “igreja empresa” manipulam multidões com suas performances teatrais, textos bem decorados e argumentos voltados, não para a salvação ou edificação de seus ouvintes, mas para seus mais íntimos e egoístas desejos, meramente humanos, “quero me dar bem custe o que custar”. “quero sucesso”, “quero ser famoso” “quero que meu nome seja célebre entre os homens da terra”.

Ao lado destes, correndo “cabeça com cabeça” estão os membros, com tanto ou mais egoísmo, que seguem esses “famosos lideres”. Eles não seguem Jesus, e se forem indagados sobre quem é realmente Jesus não o sabem. Olhos desviados do sacrifício da cruz e postos no prêmio, não o da salvação eterna, proporcionado pelo Filho de Deus, mas, no prêmio efêmero de uma vida abastada e na conquista de bens, muitos bens, quantos mais, maior a benção, é nisso que se respaldam, pois se adquiriram todas essas coisas é por que são “homens de Deus”.

Estes homens, dominados pela ganância e pelo egoísmo colocam de lado o que verdadeiramente importa Jesus Cristo, da maneira correta. Usam o nome do Senhor a seu bel prazer e necessidade. Eles não querem saber de Jesus, não desejam saber sobre o seu próximo, só olham para seus umbigos, caminham para um abismo e levam consigo centenas de milhares de pessoas, que se fazem culpadas e merecedoras de idêntico castigo, pois, em sua grande maioria, compartilham dos mesmos desejos.

Irmãos não amemos de boca, mas em ações de graça e misericórdia. Não adoremos em sórdida ganância, como se, tivéssemos, nós, pecadores, algum direito. Deus é o dono da vida, dono da terra, pois está escrito: “Ao Senhor pertence a terra e tudo o que nela se contém, o mundo e os que nele habitam” (Sl 24:1).

Tudo pertence ao Senhor, a única coisa que temos direito legal é a morte, e para escaparmos desta condenação, o Senhor Jesus atuou como instrumento substitutivo, morreu em meu lugar, morreu no seu lugar. Pelo Seu sangue temos nossa dívida paga e nos reconciliamos com Deus. Somente Jesus “é o Caminho e a Verdade e a Vida” (Jo 14:6), fuja, meu irmão dos falsos pastores, alerte aos outros crentes que estão sendo enganados por eles. Não permita que sejam tragados pela mentira. Pregue a Palavra da verdade, o Evangelho da Salvação, que é “poder de Deus para salvação de todo aquele que crê” (Rm 1:16). Quem sabe, conseguiremos arrebatar alguns deles do fogo (Jd 1:22-23).

Lembre-se; o que gera o crente é a Palavra de Deus, o que mantém o crente é a Palavra de Deus e o que faz a igreja crescer em edificação é a Palavra de Deus. Sem a Palavra de Deus não existe crente, não existe igreja, não existe salvação! Nada a pode substituir, pois Deus é a própria Palavra. Conhecendo a Palavra conhecemos Deus, pois, Ele se revela a nós por meio da Sua Palavra.

Não permita que o entretenimento invada a igreja de Cristo. Faça discípulos preocupados em pregar o verdadeiro evangelho. Discípulos preocupados e serem dependentes do Espírito Santo e do Seu mover. Se santifique pelos outros, Jesus fazia sempre isso, pois sabia das limitações humanas, “e a favor deles eu me santifico a mim mesmo, para que eles também sejam santificados na verdade” (João 17:19). Arregace as mangas e dobre os joelhos, ore, ore, ore, dependa de Deus, e lute para que o Evangelho de Jesus Cristo não seja diluído pelas modernidades do mundo, que nos invadem e atropelam, ao ponto de, no futuro, nossos filhos e nossos netos não conseguirem discernir entre o falso e o verdadeiro e tudo não passar de “simples entretenimento”.

Que Deus nos ajude!

O BRASIL O PAIS DO CARNAVAL NA POLÍTICA,RELIGIÃO,ETC.

 A apresentadora Rachel Sheherazade, da TV Tambaú, afiliada do SBT na Paraíba, afirmou estar indignada com o carnaval em seu programa, o "Tambaú Notícias", na última semana. Rachel causou polêmica na web e foi um dos assuntos mais comentados no Twitter. A jornalista criticou o apoio do governo à festa e disse que o carnaval é um grande “prejuízo” para o Brasil. O vídeo já tem mais de 300 mil visualizações e 3029 comentários. Grande parte dos internautas concordou com a jornalista.
“Milhões de reais são pagos a artistas para garantir o circo a uma população miserável que não tem nem o pão na mesa”, declarou a jornalista que afirmou que o carnaval é uma festa para ricos, com amplo apoio do governo.
“Eu fico indignada quando vejo a quantidade de ambulâncias disponibilizadas num desfile de carnaval para atender aos bêbados de plantão e valentões que se metem em brigas e quebra-quebra. Onde estão essas mesmas ambulâncias quando uma mãe precisa socorrer um filho doente, quando um trabalhador está infartando, quando um idoso do interior precisa se deslocar de cidade para se submeter a um exame?”. E completou. “Eu me revolto ao ver que os policiais estão em peso nas festas para garantir a ordem no carnaval e no dia a dia falta segurança para o cidadão de bem exercitar o simples direito de ir e vir”.
Rachel lembrou do dinheiro que é gasto na festa. “Alguém já parou pra calcular o quanto o Estado gasta para socorrer vítimas de acidentes causados por foliões embriagados? Quantos milhões são pagos em indenizações por mortes ou invalidez decorrentes desses acidentes? Quanto o Poder Público desembolsa com procedimentos de curetagem que muitas jovens se submetem depois de um carnaval sem proteção que gerou uma gravidez indesejada? Isso sem falar na quantidade de DSTs que são transmitidas durante a festa em que tudo é permitido”.
O vídeo ganhou repercussão na web e alguns internautas postaram outros vídeos com respostas aos argumentos da jornalista.
 

PALAVRÕES NO VIDEOGAME E NA TV COLABORA COM AGRECIVIDADE INFANTIL

E, quando acabaram de cumprir tudo segundo a lei do Senhor, voltaram à Galiléia, para a sua cidade de Nazaré.

E o menino crescia, e se fortalecia em espírito, cheio de sabedoria; e a graça de Deus estava sobre ele.

Ora, todos os anos iam seus pais a Jerusalém à festa da páscoa;

E, tendo ele já doze anos, subiram a Jerusalém, segundo o costume do dia da festa.

E, regressando eles, terminados aqueles dias, ficou o menino Jesus em Jerusalém, e não o soube José, nem sua mãe.

Pensando, porém, eles que viria de companhia pelo caminho, andaram caminho de um dia, e procuravam-no entre os parentes e conhecidos;

E, como o não encontrassem, voltaram a Jerusalém em busca dele.

E aconteceu que, passados três dias, o acharam no templo, assentado no meio dos doutores, ouvindo-os, e interrogando-os.

E todos os que o ouviam admiravam a sua inteligência e respostas.

E quando o viram, maravilharam-se, e disse-lhe sua mãe: Filho, por que fizeste assim para conosco? Eis que teu pai e eu ansiosos te procurávamos.

E ele lhes disse: Por que é que me procuráveis? Não sabeis que me convém tratar dos negócios de meu Pai?

E eles não compreenderam as palavras que lhes dizia.

E desceu com eles, e foi para Nazaré, e era-lhes sujeito. E sua mãe guardava no seu coração todas estas coisas.

E crescia Jesus em sabedoria, e em estatura, e em graça para com Deus e os homens.
Lucas 2:39-52

Lucas 2

E, quando acabaram de cumprir tudo segundo a lei do Senhor, voltaram à Galiléia, para a sua cidade de Nazaré.
E o menino crescia, e se fortalecia em espírito, cheio de sabedoria; e a graça de Deus estava sobre ele.
Ora, todos os anos iam seus pais a Jerusalém à festa da páscoa;
E, tendo ele já doze anos, subiram a Jerusalém, segundo o costume do dia da festa.
E, regressando eles, terminados aqueles dias, ficou o menino Jesus em Jerusalém, e não o soube José, nem sua mãe.
Pensando, porém, eles que viria de companhia pelo caminho, andaram caminho de um dia, e procuravam-no entre os parentes e conhecidos;
E, como o não encontrassem, voltaram a Jerusalém em busca dele.
E aconteceu que, passados três dias, o acharam no templo, assentado no meio dos doutores, ouvindo-os, e interrogando-os.
E todos os que o ouviam admiravam a sua inteligência e respostas.
E quando o viram, maravilharam-se, e disse-lhe sua mãe: Filho, por que fizeste assim para conosco? Eis que teu pai e eu ansiosos te procurávamos.
E ele lhes disse: Por que é que me procuráveis? Não sabeis que me convém tratar dos negócios de meu Pai?
E eles não compreenderam as palavras que lhes dizia.
E desceu com eles, e foi para Nazaré, e era-lhes sujeito. E sua mãe guardava no seu coração todas estas coisas.
E crescia Jesus em sabedoria, e em estatura, e em graça para com Deus e os homens.
E, quando acabaram de cumprir tudo segundo a lei do Senhor, voltaram à Galiléia, para a sua cidade de Nazaré.

E o menino crescia, e se fortalecia em espírito, cheio de sabedoria; e a graça de Deus estava sobre ele.

Ora, todos os anos iam seus pais a Jerusalém à festa da páscoa;

E, tendo ele já doze anos, subiram a Jerusalém, segundo o costume do dia da festa.

E, regressando eles, terminados aqueles dias, ficou o menino Jesus em Jerusalém, e não o soube José, nem sua mãe.

Pensando, porém, eles que viria de companhia pelo caminho, andaram caminho de um dia, e procuravam-no entre os parentes e conhecidos;

E, como o não encontrassem, voltaram a Jerusalém em busca dele.

E aconteceu que, passados três dias, o acharam no templo, assentado no meio dos doutores, ouvindo-os, e interrogando-os.

E todos os que o ouviam admiravam a sua inteligência e respostas.

E quando o viram, maravilharam-se, e disse-lhe sua mãe: Filho, por que fizeste assim para conosco? Eis que teu pai e eu ansiosos te procurávamos.

E ele lhes disse: Por que é que me procuráveis? Não sabeis que me convém tratar dos negócios de meu Pai?

E eles não compreenderam as palavras que lhes dizia.

E desceu com eles, e foi para Nazaré, e era-lhes sujeito. E sua mãe guardava no seu coração todas estas coisas.

E crescia Jesus em sabedoria, e em estatura, e em graça para com Deus e os homens.
Lucas 2:39-52
E, quando acabaram de cumprir tudo segundo a lei do Senhor, voltaram à Galiléia, para a sua cidade de Nazaré.

E o menino crescia, e se fortalecia em espírito, cheio de sabedoria; e a graça de Deus estava sobre ele.

Ora, todos os anos iam seus pais a Jerusalém à festa da páscoa;

E, tendo ele já doze anos, subiram a Jerusalém, segundo o costume do dia da festa.

E, regressando eles, terminados aqueles dias, ficou o menino Jesus em Jerusalém, e não o soube José, nem sua mãe.

Pensando, porém, eles que viria de companhia pelo caminho, andaram caminho de um dia, e procuravam-no entre os parentes e conhecidos;

E, como o não encontrassem, voltaram a Jerusalém em busca dele.

E aconteceu que, passados três dias, o acharam no templo, assentado no meio dos doutores, ouvindo-os, e interrogando-os.

E todos os que o ouviam admiravam a sua inteligência e respostas.

E quando o viram, maravilharam-se, e disse-lhe sua mãe: Filho, por que fizeste assim para conosco? Eis que teu pai e eu ansiosos te procurávamos.

E ele lhes disse: Por que é que me procuráveis? Não sabeis que me convém tratar dos negócios de meu Pai?

E eles não compreenderam as palavras que lhes dizia.

E desceu com eles, e foi para Nazaré, e era-lhes sujeito. E sua mãe guardava no seu coração todas estas coisas.

E crescia Jesus em sabedoria, e em estatura, e em graça para com Deus e os homens.
Lucas 2:39-52
E, quando acabaram de cumprir tudo segundo a lei do Senhor, voltaram à Galiléia, para a sua cidade de Nazaré.

E o menino crescia, e se fortalecia em espírito, cheio de sabedoria; e a graça de Deus estava sobre ele.

Ora, todos os anos iam seus pais a Jerusalém à festa da páscoa;

E, tendo ele já doze anos, subiram a Jerusalém, segundo o costume do dia da festa.

E, regressando eles, terminados aqueles dias, ficou o menino Jesus em Jerusalém, e não o soube José, nem sua mãe.

Pensando, porém, eles que viria de companhia pelo caminho, andaram caminho de um dia, e procuravam-no entre os parentes e conhecidos;

E, como o não encontrassem, voltaram a Jerusalém em busca dele.

E aconteceu que, passados três dias, o acharam no templo, assentado no meio dos doutores, ouvindo-os, e interrogando-os.

E todos os que o ouviam admiravam a sua inteligência e respostas.

E quando o viram, maravilharam-se, e disse-lhe sua mãe: Filho, por que fizeste assim para conosco? Eis que teu pai e eu ansiosos te procurávamos.

E ele lhes disse: Por que é que me procuráveis? Não sabeis que me convém tratar dos negócios de meu Pai?

E eles não compreenderam as palavras que lhes dizia.

E desceu com eles, e foi para Nazaré, e era-lhes sujeito. E sua mãe guardava no seu coração todas estas coisas.

E crescia Jesus em sabedoria, e em estatura, e em graça para com Deus e os homens.
Lucas 2:39-52

Palavrões no videogame e na TV podem estar ligados com agressividade infantil

Crianças do ensino fundamental que ouvem palavrões na televisão ou em jogos de videogame podem agir de maneira mais agressiva com seus colegas, fisicamente ou verbalmente, sugere um pequeno estudo. Essa conclusão nos volta à controversa questão sobre a violência na mídia, e se isso afeta o comportamento das crianças.
Em um estudo com 223 crianças em uma escola nos EUA, pesquisadores descobriram que alunos que foram expostos a mais programas de TV ou jogos de videogame com palavrões relataram mais casos de agressão – desde socos até espalhar fofocas maliciosas sobre outras crianças.
Mas nada disso prova que a má língua na mídia é prejudicial para as crianças, de acordo com a professora Sarah Coyne, da Universidade Brigham Young, em Utah (EUA). “Este estudo mostra uma correlação, e não prova causa e efeito”, ressalta.
Além do mais, se os palavrões midiáticos desempenham algum papel na agressão infantil, não está claro quão grande é esse impacto. É difícil estabelecer correlações precisas, pois há uma série de coisas que contribuem para o comportamento agressivo.
De acordo com Sarah Coyne, é provável que a linguagem ruim na TV e em videogames afete a linguagem das crianças, mas o impacto final sobre o comportamento pode ser algo muito mais complicado de analisar.
É importante, entretanto, que os pais prestem atenção na linguagem dos programas e jogos que seus filhos acessam. Tendemos a ser espectadores passivos, pois estamos tão acostumados a ouvir palavrões em todo o lugar que podemos não perceber quando isso acontece de maneira excessiva na televisão.
Esse fato aponta outra limitação do estudo. É a linguagem da mídia, especificamente, que se relaciona com a linguagem e comportamento infantil? Ou será que as crianças expostas a palavrões em programas de TV e videogames também não tem pais e amigos que falam palavrões? O novo estudo não descarta essa possibilidade.
Várias pesquisas que relacionam violência nas mídias e agressão infantil demonstraram que uma vez que as crianças têm uma boa saúde mental e boas influências familiares e de amigos, a ligação entre violência na mídia e comportamento desaparece. Por isso, não há nenhuma grande nova descoberta com a qual os pais precisem se preocupar se seus filhos se encaixam nessas condições.

JADAS ERA O AMIGO MAIS ÍNTIMO DE JESUS

Até o meu próprio amigo íntimo, em quem eu tanto confiava, que comia do meu pão, levantou contra mim o seu calcanhar. Salmos 41:9

Sendo murmuradores, detratores, aborrecedores de Deus, injuriadores, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos pais e às mães; Romanos 1:30
Sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons, 2 Timóteo 3:3

João 7

E depois disto Jesus andava pela Galiléia, e já não queria andar pela Judéia, pois os judeus procuravam matá-lo.
E estava próxima a festa dos judeus, a dos tabernáculos.
Disseram-lhe, pois, seus ir-mãos: Sai daqui, e vai para a Judéia, para que também os teus discípulos vejam as obras que fazes.
Porque não há ninguém que procure ser conhecido que faça coisa alguma em oculto. Se fazes estas coisas, manifesta-te ao mundo.
Porque nem mesmo seus irmãos criam nele.
Disse-lhes, pois, Jesus: Ainda não é chegado o meu tempo, mas o vosso tempo sempre está pronto.
O mundo não vos pode odiar, mas ele me odeia a mim, porquanto dele testifico que as suas obras são más.

Olhe para a página de seu perfil no Facebook. Observe, na tela, qual é o número de amigos que aparece abaixo do seu nome. Conte com quantos, a partir desse número, você realmente tem amizade e divide confidências. Na população, segundo pesquisadores americanos, esse resultado é menor do que era há 25 anos.
Pesquisadores da Universidade Cornell (Ithaca, Nova Iorque), nos EUA, conduziram um estudo com dois mil adultos maiores de 18 anos, a partir de um estudo feito pela internet em abril e maio de 2010. A todos os pesquisados, era questionado o número de pessoas com quem eles discutiram “assuntos importantes” nos últimos seis meses.
A maior parte dos pesquisados (48%) afirmou ter apenas um amigo para confidências. 18% afirmaram ter dois. E 29% dos participantes declararam ter mais de duas pessoas íntimas com quem compartilharem um assunto importante.
Esses números, segundo os pesquisadores, são significativos, mas não revelam necessariamente que estejamos nos isolando uns dos outros. Eles afirmam que essa realidade pode ser apenas uma tendência, uma nova forma de classificar nossas amizades a partir das formas de comunicação que surgiram há menos de 25 anos.
Além disso, apenas os 4% restantes da pesquisa afirmaram que esse número para eles foi de zero. A esse grupo, era questionado em seguida se o número era nulo porque não houve de fato um “assunto importante” nos seis meses anteriores, ou se realmente não dispunham de um amigo em quem confiar. E o grupo de pessoas verdadeiramente “isoladas” foi de 36% dessa parcela. Segundo os pesquisadores, esse índice não é maior hoje do que há três décadas.

REDES SOCIAIS CRESCEM E O CÉREBRO ACOMPANHA


O cérebro dos macacos cresce a cada vez que se aumenta um companheiro de jaula, de acordo com um novo estudo que revela o crescimento de certas partes do cérebro associadas ao processamento de informação social.
“Há uns dois estudos em humanos, de diferentes grupos de pesquisa, que mostram certa correlação entre o tamanho do cérebro e o da rede social, e nós achamos similaridades em nossos estudos”, afirma um dos pesquisadores do estudo, Jerome Sallet, da Universidade de Okford, na Inglaterra. “Nosso estudo reforça a ideia de que a rede social humana foi construída em algo que já existia nos macacos da espécie rhesus”.
Os pesquisadores estudaram 23 macacos rhesus vivendo em grupos de diferentes tamanhos em uma instalação de pesquisa. Eles estiveram com os grupos por pelo menos dois meses (a média de tempo no grupo era de mais de um ano).
Cada grupo possuía uma hierarquia de dominação própria (exceto um macaco que foi mantido sozinho). O posto entre os machos é dependente das interações sociais, incluindo a habilidade de fazer amigos e formar coalizões, o que garante acesso ao macaco a recursos valiosos.
Os cérebros dos macacos foram visualizados através de ressonância magnética, para analisar as diferentes partes cerebrais. Eles notaram aumento na massa cinzenta em várias regiões associadas às interações sociais. Na média, eles viram mais de 5% de aumento a cada colega extra.
De acordo com as áreas mais afetadas, pode-se dizer que o aumento da massa cinzenta é “um reflexo da necessidade de decodificar o significado das expressões faciais, gestos e vocalizações de um grande número de indivíduos e combinações de indivíduos resultantes do crescimento da rede social”, escreveram os pesquisadores.
Eles então compararam as imagens cerebrais de acordo com a hierarquia. Eles viram um aumento também nas áreas relacionadas aos níveis mais altos de dominação.
Essas mudanças no tamanho cerebral são um exemplo das possibilidades do cérebro de mudar com o tempo. Uma pesquisa anterior indicou que a aprendizagem de habilidades físicas talvez seja capaz de aumentar as áreas motores do cérebro, mas isso não havia sido mostrado para relações sociais, especialmente a correlação com o ranking social. As partes responsáveis por esse aspecto talvez tenham crescido devido a necessidade de armazenar quantidades extras sobre os números de colegas de cativeiro dominados e submissos.
Diferente dos estudos em humanos, esse durou meses. Estudos anteriores com humanos podem ser interpretados de dois modos: cérebros maiores levam a redes sociais maiores, ou redes sociais maiores levam ao crescimento dessas áreas.
Mas há limitações para as descobertas. Os animais não foram divididos em grupos ao acaso (apesar das razões para as divisões não serem parte do estudo), podendo sugerir que outro fator talvez seja importante também. Por exemplo, macacos mais sociáveis talvez tenham sido abrigados em grupos maiores. Mas Sallet diz que esse não foi o caso. “A rede social dos macacos foi organizada por pesquisadores e não dependeu da sociabilidade de cada um”, afirmou
A concluzão é que comunicação faz amizades e as amizades cresce nossos conhecimentos e´conhecimento nunca é ruim.

VOCE SABE CONSUMIR SAL?

Você sabe consumir sal? 

A bíblia diz que Se alguém destruir o templo de Deus, Deus o destruirá; porque o templo de Deus, que sois vós, é santo. 1 Coríntios 3:17 

Cuide do templo de Deus para mante-lo saudável!

Faça o teste e descubra porque as embalagens apresentam as doses de sódio no rótulo


Há quem mal se sente à mesa e já procure pelo saleiro, mesmo antes de experimentar a comida e sentir se há mesmo necessidade de umas pitadas extras. O hábito, aparentemente inofensivo, está por trás de uma série de doenças no coração, nos rins e até desconfortos estéticos, como a retenção de líquidos e o aparecimento de celulite. "O sódio, presente no sal, é essencial para o bom funcionamento do organismo, auxiliando os sistemas nervoso e muscular. Mas é um perigo se for consumido em excesso", afirma a nutricionista Roseli Rossi, da clínica Equilíbrio Nutricional. Para saber se o seu consumo está de acordo com padrões saudáveis, faça o teste e aproveite as dicas das nutricionistas para tornar sua dieta isenta de riscos.

 
1-Sal e sódio são sinônimos?

Nota: Segundo a nutricionista Maria Fernanda Cortez, da Nutri e Consult, sal e sódio não são sinônimos. Na verdade, o sal é composto por cloreto de sódio. Em seis gramas de sal, há 2,4 gramas de sódio. "Os rótulos dos produtos costumam informar a quantidade de sódio, e não de sal, presente no alimento", afirma a especialista.

2-Que quantidade de sal deve ser consumida diariamente por um adulto saudável?


Resposta b) 5 gramas de sal por dia
Nota: "A recomendação diária de sódio ideal para um adulto sadio é de 1.600 a 2.400 mg, ou seja, entre 4 e 6 gramas de sal de cozinha por dia, o que equivale a duas ou três colheres de café", afirma a nutricionista Roseli Rossi. A realidade, porém, é bem diferente. Estudos mostram que o consumo médio diário de sal pelos brasileiros é de 15 gramas.

 
3-O número de sachês de sal adicionado às refeições serve como medida de consumo?



Nota: Cerca de 75% do sal que você consome diariamente vem de alimentos industrializados, somente 25% origina-se do sal acrescentado aos alimentos naturais, de acordo com as especialistas. Como a ingestão de sal pela população brasileira, em geral, já se mantém acima do recomendado, o ideal é evitar o acréscimo de doses extras e ler os rótulos em busca de produtos com baixa ou nenhuma quantidade de sódio.

 
4-O sal promove a retenção de líquidos do corpo?


 
Nota: Nosso organismo utiliza uma série de recursos para manter a distribuição de líquidos pelo corpo de maneira equilibrada e o sal é um dos fatores que pode alterar esse equilíbrio hídrico. "Quando os níveis de sódio no sangue ficam muito altos, ocorre a liberação de certos hormônios que promovem a retenção de líquidos", explica Maria Fernanda. Pelo efeito da gravidade, esse inchaço é mais concentrado nas pernas e nos tornozelos, mas pode afetar outras partes do corpo.

 
5-O sal pode ajudar a prevenir cãibras musculares?

 
 
 

Nota: São inúmeras as causas das cãibras, mas os principais fatores que predispõe seu aparecimento são grandes perdas de sódio e líquidos e, por isso, elas são tão comuns em atletas, já que eles suam mais e perdem minerais. "O sódio é um mineral importante na transmissão dos impulsos nervosos e nas ações que levam ao movimento. Um déficit desse elemento torna os músculos mais sensíveis, fazendo com que uma leve tensão ocasione uma contração incontrolável, a cãibra", esclarece Roseli.

 
6-Qual dos sais abaixo é o mais saudável?




Nota: "O sal mais recomendado, desde que você não tenha restrição alimentar, é o marinho. Ele preserva mais de 80 tipos de nutrientes, como bromo e magnésio, que costumam ser eliminados na refinação do sal comum", afirma a nutricionista Maria Fernanda. Entretanto, se o objetivo é reduzir a quantidade de sódio na alimentação, o mais indicado é o sal light.

 
7-Consumir muito sal favorece o surgimento da pressão alta?



Nota: Segundo a nutricionista Maria Fernanda, o alto consumo de sal leva à retenção de líquidos pelo corpo, o que aumenta o volume de sangue circulante. "Esse aumento sobre carrega o coração, que tem que trabalhar mais intensamente. Daí o aumento na pressão arterial", afirma. A esse hábito ainda podem se somar predisposição genética, sedentarismo, sobrepeso, tabagismo e estresse.

 
8-Quantas calorias existem em um sachê de 1g de sal refinado?


Não

Resposta correta: b) O sal não tem calorias

VOCE É UMA PESSOA GENEROSA?FAÇA O TESTE.

Suas ações são movidas pela generosidade?

E, respondendo o Rei, lhes dirá: Em verdade vos digo que quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes. Mateus 25:40

Faça o teste e descubra se suas atitudes coincidem com o interesse das outras pessoas

 Quando sai de casa, correndo e sem tomar café da manhã, você mal tem tempo de reparar nas pessoas que cruzam o seu caminho. No restaurante, no elevador ou no posto de combustível, a atitude se repete: as relações breves passam despercebidas enquanto o relógio reclama dos atrasos que se repetem durante o dia. "Solidariedade, atualmente, é artigo raro e de luxo, as pessoas não têm tempo para as outras", afirma a terapeuta existencial Dulce Critelli, professora da PUC-SP. "Nossa vida individual depende das relações que mantemos com os outros e, ao melhorá-las, melhoramos a nossa própria rotina". Quanto você se dedica ao próximo? Relembre situações recentes do seu dia e responda o teste com sinceridade para descobrir.

  Você costuma fazer doações para vítimas de tragédias ou pessoas carentes?


Quando você faz uma boa ação...



Um conhecido está passando extrema necessidade e precisa da sua ajuda. Você:



Quando vê alguém levar um tombo que lembra aqueles de desenho animado:




Uma pessoa nova começa a trabalhar na sua área, você:


soa.

Quando o velório é de um parente distante, como você reage?



 
Você já fez trabalho voluntário?



 
Um mendigo pediu esmolas e você deu. Qual a sua sensação?



 
No ônibus, há um assento para pessoas especiais livre, você:




Sem esperar retorno

Suas ações tendem a ser generosas, porque você costuma colocar-se no lugar do outro e imaginar o que ele está passando. Isso ajuda você a agir sem esperar algo em troca. O psicólogo Reginaldo Aguiar, especialista em Terapia Comportamental, de São Paulo, lembra que generosidade é exatamente essa ajuda desinteressada. "Esse ato pode trazer vários benefícios, como aumento da auto estima e da autoconfiança, porque a pessoa se sente útil aos outros, sente-se especial, importante", conta o especialista.

sábado, 28 de janeiro de 2012

MÚSICA SATANICA WE ARE THE WORLD(NÓS SOMOS O MUNDO) DE MICHAEL JACKSON

(We Are The World) Nós Somos o Mundo

 
Chega o momento quando nós ouvimos uma certa chamada.
Quando o mundo deve vir junto como um.
Há pessoas a morrer..
E é tempo de dar uma mãozinha para a vida.
O maior presente de todos.
Nós não podemos continuar , fingindo todos os dias.
Alguém, nalgum lado mais tarde vai ter a mudança.
Nós somos todos da fantástica e grande família de Deus.
E é verdade , tu sabes , amor é tudo o que precisamos.

Refrão:
(Michael Jackson)
Nós somos o mundo, nós somos as crianças.
Nós somos os únicos que fazem o dia brilhante
Então vamos lá começar a doar.

Havia uma escolha que estávamos a fazer.
Estávamos a salvar as nossas próprias vidas.

É verdade , nós vamos fazer um dia melhor.
Apenas tu e eu.(onde fica Jesus ou Deus neste tal dia melhor?)

Enviem-lhes os vossos corações
Assim eles vão saber que alguém se importa com eles.

E as suas vidas vão ser mais fortes e livres.

Como Deus nos mostrou como tornar pedras em pão.(Deus nunca transformou pedras em pão o diabo que queria obriga lo a fazer esta -transformação)

E então nós todos devemos emprestar uma mãozinha de ajuda.

Nós somos o mundo, nós somos as crianças.

Nós somos os únicos que fazem o dia brilhante
Então vamos lá começar a doar.

Havia uma escolha que estávamos a fazer.
Estávamos a salvar as nossas próprias vidas.

É verdade , nós vamos fazer um dia melhor.
Apenas tu e eu.

Quando estás em baixo e fora , parece que não há esperança nenhuma .

Mas se acreditares que não há maneira de nós cairmos .

Bem , bem , bem , bem deixa-nos perceber que a mudança só pode vir .
Quando nós,aguentarmos junto como um .

(Refrão)
Nós somos o mundo, nós somos as crianças.
Nós somos os únicos que fazem o dia brilhante
Então vamos lá começar a doar.

Havia uma escolha que estávamos a fazer.
Estávamos a salvar as nossas próprias vidas.
É verdade , nós vamos fazer um dia melhor.
Apenas tu e eu.

Nós somos o mundo, nós somos as crianças.
Nós somos os únicos que fazem o dia brilhante
Então vamos lá começar a doar.

Havia uma escolha que estávamos a fazer.
Estávamos a salvar as nossas próprias vidas.
É verdade , nós vamos fazer um dia melhor.
Apenas tu e eu.

Nós somos o mundo, nós somos as crianças.
Nós somos os únicos que fazem o dia brilhante
Então vamos lá começar a doar.
Havia uma escolha que estávamos a fazer.
Estávamos a salvar as nossas próprias vidas.

É verdade , nós vamos fazer um dia melhor.
Apenas tu e eu.

Nós somos o mundo, nós somos as crianças.
Nós somos os únicos que fazem o dia brilhante
Então vamos lá começar a doar.

Havia uma escolha que estávamos a fazer.
Estávamos a salvar as nossas próprias vidas.
É verdade , nós vamos fazer um dia melhor.
Apenas tu e eu.

Nós somos o mundo, nós somos as crianças.
Nós somos os únicos que fazem o dia brilhante
Então vamos lá começar a doar.

Havia uma escolha que estávamos a fazer.
Estávamos a salvar as nossas próprias vidas.
É verdade , nós vamos fazer um dia melhor.
Apenas tu e eu.
 
Nós somos o mundo, nós somos as crianças.
Nós somos os únicos que fazem o dia brilhante
Então vamos lá começar a doar.

Havia uma escolha que estávamos a fazer.
Estávamos a salvar as nossas próprias vidas.
É verdade , nós vamos fazer um dia melhor.
Apenas tu e eu.

Nós somos o mundo, nós somos as crianças.
Nós somos os únicos que fazem o dia brilhante
Então vamos lá começar a doar.
Havia uma escolha que estávamos a fazer.
Estávamos a salvar as nossas próprias vidas.
É verdade , nós vamos fazer um dia melhor.
Apenas tu e eu.

Nós somos o mundo, nós somos as crianças.
Nós somos os únicos que fazem o dia brilhante
Então vamos lá começar a doar.

Havia uma escolha que estávamos a fazer.
Estávamos a salvar as nossas próprias vidas.
É verdade , nós vamos fazer um dia melhor.
Apenas tu e eu.

Nós somos o mundo, nós somos as crianças.
Nós somos os únicos que fazem o dia brilhante
Então vamos lá começar a doar.
Havia uma escolha que estávamos a fazer.
Estávamos a salvar as nossas próprias vidas.
É verdade , nós vamos fazer um dia melhor. 
Apenas tu e eu.
 
ASSISTA O VÍDEO COM AS PRINCIPAIS PARTES DA MÚSICA E UMA BREVE E SIMPLES EXPLICAÇÃO PELO POLEMICO RUBENS. VOCÊ NUNCA MAIS OUVIRÁ MÚSICA GOSPEL OU SECULAR COM OS MESMOS OUVIDOS.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
"Todo aquele que ler estas postagens, se tiver certeza do que afirmo, caminhe lado a lado comigo; quando duvidar, investigue comigo; quando reconhecer que foi seu o erro, venha ter comigo; se o erro for meu, chame minha atenção. Assim haveremos de palmilhar juntos o caminho do conhecimento e da caridade em direção àquele de quem está dito:Eu sou o Alfa e o Ômega."

POSTAGENS MAIS VISITADAS

INVISTA MAIS NA SUA SALVAÇÃO

INVISTA MAIS NA SUA SALVAÇÃO

ULTIMA ORDEM DE JESUS IDE I FAZEI DISCÍPULOS

ULTIMA ORDEM DE JESUS IDE I FAZEI DISCÍPULOS
OU VOCE É SÓ UM FREQUENTADOR DE IGREJA?

OS BRASILEIROS NÃO APRENDEM

OS BRASILEIROS NÃO APRENDEM

DURMA NO MÍNIMO 8 HORAS POR NOITE

DURMA NO MÍNIMO 8 HORAS POR NOITE

FRUTA NÃO É CARO, CARO É REMÉDIO!

FRUTA NÃO É CARO, CARO É REMÉDIO!

EVITE VÁRIAS DOENÇAS BEBA 8 GARRAFINHAS DE 250ML POR DIA

EVITE VÁRIAS DOENÇAS BEBA 8 GARRAFINHAS DE 250ML POR DIA

SEJA UM DOADOR DE VIDA

SEJA UM DOADOR DE VIDA

NÃO PEQUES MAIS!

NÃO PEQUES MAIS!

VISTA AO NÚ

VISTA AO NÚ

VENDE TUDO E ME SEGUE...

VENDE TUDO E ME SEGUE...

A VEJA É MANIPULADA

A VEJA É MANIPULADA

O SÁBIO PENSA NO DIA DA MORTE ECLESIASTES 7:4

O SÁBIO PENSA NO DIA DA MORTE ECLESIASTES 7:4